INOVAÇÃO

Robô Cirúrgico da Vinci Xi. A evolução da Medicina na sala de Cirurgia

INOVAÇÃO

Robô Cirúrgico da Vinci Xi.
A evolução da Medicina na sala de Cirurgia

MAIOR PRECISÃO E SEGURANÇA

A cirurgia robótica, considerada a evolução da laparoscopia, é o que há de mais moderno na medicina em procedimentos minimamente invasivos, ajudando a salvar vidas em todo o mundo.

Sempre buscando oferecer o que há de mais moderno em segurança e eficiência no tratamento de seus pacientes, o Hospital Nossa Senhora das Graças é pioneiro no sul do país a implantar o robô cirúrgico da Vinci Xi, a última versão do robô utilizada no Brasil, que permite o tratamento de uma ampla gama de procedimentos, dos menos aos mais complexos, abrangendo diversas especialidades como: urologia, cirurgia geral, ginecologia, bariátrica, colorretal, torácica, cabeça e pescoço, entre outras.

MAIOR PRECISÃO E SEGURANÇA

A cirurgia robótica, considerada a evolução da laparoscopia, é o que há de mais moderno na medicina em procedimentos minimamente invasivos, ajudando a salvar vidas em todo o mundo.

Sempre buscando oferecer o que há de mais moderno em segurança e eficiência no tratamento de seus pacientes, o Hospital Nossa Senhora das Graças é pioneiro no sul do país a implantar o robô cirúrgico da Vinci Xi, a última versão do robô utilizada no Brasil, que permite o tratamento de uma ampla gama de procedimentos, dos menos aos mais complexos, abrangendo diversas especialidades como: urologia, cirurgia geral, ginecologia, bariátrica, colorretal, torácica, cabeça e pescoço, entre outras.

A CIRURGIA ROBÓTICA

A cirurgia robótica ou robô assistida é um procedimento cirúrgico minimamente invasivo, em que o cirurgião utiliza controles manuais, semelhantes a um “joystick” para realizar a cirurgia.

O médico simula os movimentos da cirurgia tradicional, replicados em tempo real e alta precisão pelo robô, que possui quatro braços, telecomandados pelo cirurgião que permanece numa mesa de controle com uma visão 3d de alta definição da área cirúrgica.

Os instrumentais com tecnologia avançada, auxilia o cirurgião a realizar procedimentos complexos com mais precisão, flexibilidade, amplitude e controle do que seria possível com técnicas tradicionais.

Em todo o mundo podem ser identificados alguns benefícios na cirurgia por robô assistida. São eles:

Menor dor pós-operatória, menor sangramento, recuperação mais rápida, menores complicações intra e pós-operatórias e menor tempo de internação

A CIRURGIA ROBÓTICA

A cirurgia robótica ou robô assistida é um procedimento cirúrgico minimamente invasivo, em que o cirurgião utiliza controles manuais, semelhantes a um “joystick” para realizar a cirurgia.

O médico simula os movimentos da cirurgia tradicional, replicados em tempo real e alta precisão pelo robô, que possui quatro braços, telecomandados pelo cirurgião que permanece numa mesa de controle com uma visão 3d de alta definição da área cirúrgica.

Os instrumentais com tecnologia avançada, auxilia o cirurgião a realizar procedimentos complexos com mais precisão, flexibilidade, amplitude e controle do que seria possível com técnicas tradicionais.

Em todo o mundo podem ser identificados alguns benefícios na cirurgia por robô assistida. São eles:

Menor dor pós-operatória, menor sangramento, recuperação mais rápida, menores complicações intra e pós-operatórias e menor tempo de internação

CONHEÇA O DA VINCI XI

Carro do Paciente
Posicionado ao lado do paciente, possui os braços robóticos, responsáveis pelos movimentos cirúrgicos, nos quais são acoplados a câmera e os instrumentais cirúrgicos que são controlados do console, pelo cirurgião.

Console do Cirurgião
Mesa de controle, onde o cirurgião, com visão 3D de alta definição, opera os instrumentos por meio de movimentos que são transmitidos em tempo real.

Carro de Visão
Possui um monitor touchscreen com controle de configurações do sistema por onde é transmitida a imagem da cirurgia para toda a equipe cirúrgica.

Instrumentos
Os instrumentos robóticos do sistema cirúrgico da Vinci são delicados e possuem articulações que permitem a realização de movimentos ainda mais amplos que os do braço humano.

CONHEÇA O DA VINCI XI

Carro do Paciente
Posicionado ao lado do paciente, possui os braços robóticos, responsáveis pelos movimentos cirúrgicos, nos quais são acoplados a câmera e os instrumentais cirúrgicos que são controlados do console, pelo cirurgião.

Console do Cirurgião
Mesa de controle, onde o cirurgião, com visão 3D de alta definição, opera os instrumentos por meio de movimentos que são transmitidos em tempo real.

Carro de Visão
Possui um monitor touchscreen com controle de configurações do sistema por onde é transmitida a imagem da cirurgia para toda a equipe cirúrgica.

Instrumentos
Os instrumentos robóticos do sistema cirúrgico da Vinci são delicados e possuem articulações que permitem a realização de movimentos ainda mais amplos que os do braço humano.

DA VINCI XI

O da Vinci Xi é a quarta geração de sistemas cirúrgicos para cirurgia robótica da Vinci, é a versão mais avançada utilizada no Brasil e na maior parte dos países. Além de outros benefícios, essa geração da tecnologia possui endoscópico com visão 3D HD melhorada e sistema de fluorescência integrado e é mais versátil e flexível, possibilitando o acesso multi quadrante, podendo ser usado por mais especialidades médicas indicado para variedade de procedimentos cirúrgicos diversos.

DA VINCI XI

O da Vinci Xi é a quarta geração de sistemas cirúrgicos para cirurgia robótica da Vinci, é a versão mais avançada utilizada no Brasil e na maior parte dos países. Além de outros benefícios, essa geração da tecnologia possui endoscópico com visão 3D HD melhorada e sistema de fluorescência integrado e é mais versátil e flexível, possibilitando o acesso multi quadrante, podendo ser usado por mais especialidades médicas indicado para variedade de procedimentos cirúrgicos diversos.

QUAIS CIRURGIAS OU INCISÕES PODEM SER FEITAS COM O AUXÍLIO DO da Vinci XI?

Dentro de cada especialidade, existem diversos tipos de procedimentos diferentes que podem ser realizados. Entre as especialidades mais beneficiadas pela cirurgia robótica está a urologia, devido aos excelentes resultados na realização de delicados procedimentos como Prostatectomia. Conheça abaixo as principais cirurgias realizadas:

  • Urologia: prostatectomia e nefrectomia.
  • Ginecologia: histerectomia, miomectomia e endometriose.
  • Cirurgia geral: reparo de hérnia.
  • Cabeça e Pescoço: cirurgia transoral para tumores de faringe e acessos à distância para tumores cervicais.
  • Bariátrica: bypass Gástrico, gastrectomia sleeve e cirurgia bariátrica revisional.
  • Colorretal: colectomia e ressecção anterior baixa.
  • Torácica: lobectomia e pneumectomia.

QUAIS CIRURGIAS OU INCISÕES PODEM SER FEITAS COM O AUXÍLIO DO da Vinci XI?

Dentro de cada especialidade, existem diversos tipos de procedimentos diferentes que podem ser realizados. Entre as especialidades mais beneficiadas pela cirurgia robótica está a urologia, devido aos excelentes resultados na realização de delicados procedimentos como Prostatectomia. Conheça abaixo as principais cirurgias realizadas:

  • Urologia: prostatectomia e nefrectomia.
  • Ginecologia: histerectomia, miomectomia e endometriose.
  • Cirurgia geral: reparo de hérnia.
  • Cabeça e Pescoço: cirurgia transoral para tumores de faringe e acessos à distância para tumores cervicais.
  • Bariátrica: bypass Gástrico, gastrectomia sleeve e cirurgia bariátrica revisional.
  • Colorretal: colectomia e ressecção anterior baixa.
  • Torácica: lobectomia e pneumectomia.

CÂNCER DE PRÓSTATA

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens – ficando atrás apenas do câncer de pele. Na fase inicial, o câncer de próstata não apresenta sintomas, por isso, mesmo sem queixas, os homens devem a partir dos 50 anos, realizar consultas anualmente.

O exame de toque retal e de sangue, são os indicados pelo médico. Muitos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pela alteração no toque retal. O exame permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos, além de solicitar o exame de sangue PSA ( antígeno prostático específico). Quando a doença está em fase mais avançada, é comum os pacientes relatarem sintomas, como dor óssea e ao urinar, e vontade de urinar com frequência. Quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada.

A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa em média 20 gramas, e se assemelha a uma castanha. Ela localiza-se abaixo da bexiga e sua principal função, juntamente com as vesículas seminais, é produzir o esperma. O surgimento da doença acontece quando as células deste órgão começam a se multiplicar de forma desordenada. Os fatores de risco estão relacionados com idade avançada - acima de 50 anos, histórico familiar da doença, fatores hormonais e ambientais e hábitos alimentares - dieta rica em gorduras e pobre em verduras, vegetais e frutas, sedentarismo e excesso de peso.

A escolha do tratamento – como prostatectomia radical, remoção cirúrgica da próstata, radioterapia, hormonioterapia e uso de medicamentos, deve ser individualizada e definida após médico e paciente discutirem os riscos e benefícios de cada um. Entre os fatores avaliados estão o tamanho e classificação do tumor e a idade do paciente. e pode incluir prostatectomia radical - remoção cirúrgica da próstata, radioterapia, hormonioterapia e uso de medicamentos.

CÂNCER DE PRÓSTATA

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens – ficando atrás apenas do câncer de pele. Na fase inicial, o câncer de próstata não apresenta sintomas, por isso, mesmo sem queixas, os homens devem a partir dos 50 anos, realizar consultas anualmente.

O exame de toque retal e de sangue, são os indicados pelo médico. Muitos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pela alteração no toque retal. O exame permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos, além de solicitar o exame de sangue PSA ( antígeno prostático específico). Quando a doença está em fase mais avançada, é comum os pacientes relatarem sintomas, como dor óssea e ao urinar, e vontade de urinar com frequência. Quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada.

A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa em média 20 gramas, e se assemelha a uma castanha. Ela localiza-se abaixo da bexiga e sua principal função, juntamente com as vesículas seminais, é produzir o esperma. O surgimento da doença acontece quando as células deste órgão começam a se multiplicar de forma desordenada. Os fatores de risco estão relacionados com idade avançada - acima de 50 anos, histórico familiar da doença, fatores hormonais e ambientais e hábitos alimentares - dieta rica em gorduras e pobre em verduras, vegetais e frutas, sedentarismo e excesso de peso.

A escolha do tratamento – como prostatectomia radical, remoção cirúrgica da próstata, radioterapia, hormonioterapia e uso de medicamentos, deve ser individualizada e definida após médico e paciente discutirem os riscos e benefícios de cada um. Entre os fatores avaliados estão o tamanho e classificação do tumor e a idade do paciente. e pode incluir prostatectomia radical - remoção cirúrgica da próstata, radioterapia, hormonioterapia e uso de medicamentos.

1 ANO CIRURGIA ROBÓTICA HNSG

Dia 26 de março de 2021, era realizada no HNSG, com o Da Vinci Xi, a 1ª primeira cirurgia robótica da instituição. O Da Vinci chegou no HNSG em um período de maiores desafios da saúde, a pandemia do novo coronavírus. Entretanto, mesmo com todas as dificuldades, nesse período, foram quase 150 vidas salvas com auxílio da robótica. O diferencial de um Serviço em Cirurgia Robótica não é apenas o robô, mas contar com uma equipe especializada, para que os procedimentos tenham resultados de excelência. O HNSG orgulha-se em ser hospital pioneiro do sul do país a contar com a tecnologia.

Mais de 80% de procedimentos na especialidade de urologia
Cirurgias Pioneiras
Sul do Brasil - Primeira hepatectomia
Paraná - Primeira lobectomia pulmonar e primeiro bypass gástrico.

1 ANO CIRURGIA ROBÓTICA HNSG

Dia 26 de março de 2021, era realizada no HNSG, com o Da Vinci Xi, a 1ª primeira cirurgia robótica da instituição. O Da Vinci chegou no HNSG em um período de maiores desafios da saúde, a pandemia do novo coronavírus. Entretanto, mesmo com todas as dificuldades, nesse período, foram quase 150 vidas salvas com auxílio da robótica. O diferencial de um Serviço em Cirurgia Robótica não é apenas o robô, mas contar com uma equipe especializada, para que os procedimentos tenham resultados de excelência. O HNSG orgulha-se em ser hospital pioneiro do sul do país a contar com a tecnologia.

Mais de 80% de procedimentos na especialidade de urologia
Cirurgias Pioneiras
Sul do Brasil - Primeira hepatectomia
Paraná - Primeira lobectomia pulmonar e primeiro bypass gástrico.

CURSO PREPARATÓRIO PARA CERTIFICAÇÃO EM CIRURGIA ROBÓTICA

A cirurgia robótica marca uma nova era na medicina. Voltado aos médicos de seu corpo clínico, o Hospital Nossa Senhora das Graças, em parceria com o Instituto Falke, promove aos profissionais que desejam se especializar na área, o Curso Preparatório para Certificação em Cirurgia Robótica, com carga horária total de 54h.

  • Primeiro Módulo: Programa teórico e cirurgias ao vivo
    Carga horária: 20h

  • Segundo Módulo: Treinamento em Simulador
    Carga horária: 30h

  • Terceiro Módulo: Chamado de "in-service" é o treinamento em tecido, já com a plataforma robótica, completando o treinamento para a certificação definitiva fornecida pelas sociedades médicas
    Carga horária: 4h

Faça parte do time de Robótica do HNSG

Mais Informações e Inscrições: www.ifalke.com

CURSO PREPARATÓRIO PARA CERTIFICAÇÃO EM CIRURGIA ROBÓTICA

A cirurgia robótica marca uma nova era na medicina. Voltado aos médicos de seu corpo clínico, o Hospital Nossa Senhora das Graças, em parceria com o Instituto Falke, promove aos profissionais que desejam se especializar na área, o Curso Preparatório para Certificação em Cirurgia Robótica, com carga horária total de 54h.

  • Primeiro Módulo: Programa teórico e cirurgias ao vivo
    Carga horária: 20h

  • Segundo Módulo: Treinamento em Simulador
    Carga horária: 30h

  • Terceiro Módulo: Chamado de "in-service" é o treinamento em tecido, já com a plataforma robótica, completando o treinamento para a certificação definitiva fornecida pelas sociedades médicas
    Carga horária: 4h

Faça parte do time de Robótica do HNSG

Mais Informações e Inscrições: www.ifalke.com

CONTATO

PARA PACIENTES

Para saber mais sobre o Serviço de Cirurgia Robótica do HNSG entre em contato pelo telefone (41) 3240-6742
ou email cirurgia.robotica@hnsg.org.br.

PARA MÉDICOS

Comercial: 3240-6742 | cirurgia.robotica@hnsg.org.br
Secretaria Médica: 3240-6830 | sec.dir.medica@hnsg.org.br
Agendamento de Cirurgias: 3240-6615 | preinternacao@hnsg.org.br
Curso para Certificação em Cirurgia Robótica HNSG : 3240-6830 | Acesse aqui

CONTATO

PARA PACIENTES

Para saber mais sobre o Serviço de Cirurgia Robótica do HNSG entre em contato pelo telefone (41) 3240-6742
ou email cirurgia.robotica@hnsg.org.br.

PARA MÉDICOS

Comercial: 3240-6742 | cirurgia.robotica@hnsg.org.br
Secretaria Médica: 3240-6830 | sec.dir.medica@hnsg.org.br
Agendamento de Cirurgias: 3240-6615 | preinternacao@hnsg.org.br
Curso para Certificação em Cirurgia Robótica HNSG:
3240-6830 | Acesse aqui

X